Projeto do curso de Pedagogia do Unifunec integra os universitários aos estudantes e pais da rede municipal de educação


Na quinta-feira (7), estudantes do 6º ano da Rede Municipal de Educação, acompanhados pelos pais, estiveram no Centro Universitário de Santa Fé do Sul – Unifunec, onde foram recepcionados pela coordenadora do curso de Pedagogia, professora Silvana Cosmo Dias. A visita aconteceu a partir de um convite da professora do curso, Elisa Aparecida Oliani, que desenvolve um trabalho com os acadêmicos do quarto semestre.

Elisa explicou que, dentre as diversas metodologias de ensino propostas na disciplina de Fundamentos do Ensino de Matemática nas Séries Iniciais do Ensino Fundamental no curso de Pedagogia, a principal delas, que está de acordo com a BNCC é a resolução de situações problemas, para que os futuros docentes possam observar todas as etapas propostas por essa metodologia.

“Os alunos da rede municipal participam do curso de aperfeiçoamento em matemática e utilizam as técnicas de resolução de situações problemas, resolvem os exercícios das olimpíadas e foram convidados a participarem d uma aula que demonstrou como seguem as diversas etapas dessa técnica”, ressaltou Elisa.

A coordenadora do curso, professora Silvana Cosmo Dias, disse que “para o Unifunec é louvável esse processo de interação do Ensino Superior com o Ensino Fundamental, especificamente para o curso de Pedagogia. Essa situação promoverá contribuição representativa para o desenvolvimento de todos, uma vez que os nossos acadêmicos terão a oportunidade de conviver com a experiência desses alunos. A presença da família é um instrumento enriquecedor para a formação de nossos discentes.

Para a reitora do Unifunec, Profª Drª Sâmira Ambar Lins, a interação entre os alunos do curso de Pedagogia com os estudantes do ensino fundamental, contribui na formação acadêmica. “Os alunos de Pedagogia atuarão com este público. Desenvolver este trabalho com eles faz com que os acadêmicos se preparem para o dia a dia da profissão, conheçam a realidade dos estudantes e possam contribuir como facilitadores nas atividades escolares que eles desenvolvem”.